Jovem do IFSP cria um capacete que detecta tumores cerebrais em segundos

PARTICIPE DA VOTAÇÃO EM bit.ly/votehain

O estudante Vitor Hugo Xavier dos Santos Arruda, aluno do IFSP – Campus Cubatão, recentemente participou de um programa de empreendedorismo em Nova York, nos Estados Unidos.

No programa, a sua equipe, chamada de Hain, desenvolveu um capacete que consegue detectar tumores cerebrais em segundos. O dispositivo, chamado de MaxOne, escaneia o cérebro do paciente. Como tumores apresentam densidade diferente da massa céfalica, qualquer discrepância é percebida rapidamente pelo aparelho. Através de algoritmos específicos, o dispostivo também consegue identificar com precisão a localização de um possível tumor.

Por causa desse prêmio, ele está concorrendo a uma vaga em uma competição mundial de investimentos em Los Angeles. Por isso, precisa do seu voto. Acesse https://bit.ly/votehain e ajude-o!

Design do dispositivo MaxOne

 

Protótipo do dispositivo

Guilherme David

Fundador do OrgulhoFederal e da exempl.io. Formado no IFSP - Campus Cubatão em 2018, Guilherme tem a missão de promover uma educação holística no Brasil.

Comentários